sexta-feira, 11 de novembro de 2011

A sorveteria suicida - The suicide ice cream shop

Essa noite, fui a uma sorveteria italiana que abriu aqui em São Gonçalo (Gelato Mix, no Rocha). Desde que abriu, há não muito tempo, essa sorveteria chamou minha atenção. Gosto de boa comida, e o sorvete é um dos meus favoritos. Pode ser um prato por si só, apenas com méritos próprios. Por isso, minhas expectativas estavam lá na estratosfera.

Os sorvetes que provei realmente eram deliciosos: extremamente gelados mas sem congelar, com a maravilhosa textura italiana e com bastante sabor, sem aquele gosto artificial das casquinhas do McDonald's. Mas, a experiência não foi apenas positiva.

A sorveteria é suicida porque parece não entender seus clientes. Estava lá, ao lado do caixa, uma cantora desafinada. Já não sou fã de música ao vivo em restaurantes e afins, nessa sorveteria então ficou totalmente fora de lugar. A roda de samba ruim no último volume atrapalhou o atendimento (eu não conseguia ouvir a atendente e nem ela conseguia me ouvir), e deixou o ambiente com ar de churrascaria rodízio mais-ou-menos. Uma decepção.

Resta agora visitar o lugar num horário menos movimentado, para degustar melhor os sorvetes: os de hoje, comprei e saí comendo pela rua, por que ficar lá, não dava.


This night, I visited for the first time an ice cream shop (Gelato Mix in Rocha neighborhood) that has just opened here in São Gonçalo. Since I love good food, and ice cream is one of my favorite desserts (in my humble opinion, it can be a meal by itself), I was eager to try it out. My expectations were quite high.

The shop's ice creams were surely awesome: great flavor, amazing texture (soft, not frozen), perfect temperature (a.k.a. very cold, close to zero absolute, yet not frozen). Much better than those bland fast food Twisties (yes, McDonald's, I'm talking to ya!). But the overall experience wasn't that good.

I when I say it is a suicide ice cream shop, I mean that they don't seem to understand their potential clients.  I'm talking about the live music that they set up. I'm talking about the racket made by the soundboxes. I'm talking about the singer and her freakish voice. The loud music made buying the ice cream a challenge (I couldn't hear the clerk and she couldn't hear me), and made the place look like a poor all-you-can eat diner. Regrettable.

Now, I hope for the day when Gelato Mix won't be crowded and I'll be able to fully appreciate their ice cream: this night, I just ate them while walking down the street.

2 comentários:

  1. Nossa fui nessa gelateria,que gelatos maravilhosos começando pelo de Ferrero roche sem fala do belo atendimento,fiquei sabendo desse show mas não tive tempo de ir,foi o show de 1 mes de inauguração da gelateria,moro no Barreto e sempre que que passo por lá experimento novos sabores de gelatos italianos,sem contar do ambiente familiar,gelato sem comparação nunca tomei igual...

    ResponderExcluir
  2. Nesse final de semana, tive na casa da minha tia que mora no Rocha- São Gonçalo...Eu moro no Recreio, nossa...fiquei impressionado com o que eu vi. Já viajei por vários países inclusive a Itália o que eu vi no rocha me pareceu uma legítima Gelateria Italiana, os sorvetes que provei estavam perfeitos. Agora sei de uma coisa, não precisa de ir para Itália para provar um verdadeiro gelato italiano.

    ResponderExcluir